Masculinidade – Parte 2/2

Parte 1: https://pastorleandro.com.br/2011/01/16/masculinidade-parte-12/

Desobedecer aos caminhos do Criador, como viver em imoralidade (apenas um exemplo) é distanciar-se de ser homem, contudo neste mundo afirma-se que ser homem é ter várias relações sexuais com mulheres diferentes, viver “livremente” (na verdade na escravidão do pecado, sem a libertação de Cristo), ter amante (o que contraria os mandamentos de Jesus) e que ser ignorante é ser macho (e alguns se orgulham disso, mas o Cânon diz que os homens se orgulham do que Deus abomina). Jesus era homem enquanto carne e não era ignorante – e é impossível questionar a masculinidade de Cristo. Na verdade, quanto mais perto dos caminhos de Deus, mais macho isso me torna; e quanto mais distante disso, inclino-me mais para imagem e semelhança de animal irracional, do que de Deus.

Ser homem é ser como Jesus, Ele é o modelo para a masculinidade da Palavra na prática, mesmo por ser o Verbo que encarnou, o exemplo é para nós.Tal padrão está muito distante do que as pessoas pensam e vivem. Homens firmes, porém quebrantados a Deus, e que se relacionem bem consigo e da mesma maneira com o seu próximo, é o que devemos apresentar para este século, tudo isso numa busca, pois naturalmente ninguém chegou à plenitude ainda (FP 3:13-14). Na Igreja, devemos ser um grupo de homens buscando a Jesus, na Sua Palavra (e em oração, jejum e clamor), por Sua força, propósitos, graça e consolo para viver e passar o que é certo. Há mais um desafio aqui (qual homem não gosta de um desafio?): no mundo, sobretudo no tempo presente, não há certo e errado, há esta questão a ser trabalhada também, conforme a graça.

Naturalmente muitos de nós deixamos muitos erros e já vivemos padrões de Deus – isto é certo –, mas será que já é no todo da vida? E há a necessidade da troca de experiência, entre homens, nesta jornada e da manutenção da prática bíblica com a sempre “não conformação” com este século e da constante transformação pela renovação da nossa mente, conforme a Palavra de Deus:

“E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” (RM 12:2).

Tudo para agradarmos a Ele, servirmos ao próximo e alcançarmos realizações – projetos –, o que também é Sua vontade para nós.

A teoria soa boa, mas com as mangas arregaçadas e na prática da vida, há muitos espinhos e abrolhos, precisamos de Deus e uns dos outros para os objetivos apresentados, que em resumo são:

1) limpar-se do conceito errado de ser homem forjado pelo mundo;
2) viver o correto conforme a Palavra;
3) levar esta verdade a outros homens.

Que Ele nos ajude.

E, naturalmente o que foi dito passa pelo Evangelho que deve viver um cristão homem; mas o objetivo central e final é a pessoa do próprio Senhor Jesus Cristo.

Cabe um destaque aqui: se você viveu longe dos caminhos indicados pela Palavra de Deus para a masculinidade, saiba que a mesma Bíblia fala do arrependimento e da oportunidade de Jesus como caminho a Deus. Lembre-se que Deus te ama e antes de nos julgar Ele enviou Jesus para mudarmos o caminho definitivamente para Ele e não sermos condenados a perdição eterna no Dia do Juízo que a Bíblia promete que virá. Procure um amigo cristão para conversar sobre isso ou ainda uma igreja evangélica e ouça mais da Palavra do Senhor, que nos restaura, numa obra do Espírito Santo, continuando a obra iniciada por Cristo, pelo Pai.

Soli Deo Gloria.
Leandro Hüttl Dias

Um comentário em “Masculinidade – Parte 2/2

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: